O Conto da Serpente Verde a da linda Lilie

O Conto da Serpente Verde a da linda Lilie

Johann Wolfgang von Goethe

Sinopse:
Este conto foi concluído em 1795. Para escrevê-lo, Goethe estudou vários textos alquímicos, cabalísticos e rosacrucianos. Esta edição inclui uma exegese de Oswald Wirth que enriquece e oferece linhas de decifração do rico simbolismo da fábula de Goethe.

  • R$24,90

  • ISBN: 9788572171571
  • Formato: 21 x 14 cm
  • Páginas: 144
  • Selo Aquariana
  • Disponibilidade: Em estoque
  • Autor: Johann Wolfgang von Goethe

Johann Wolfgang von Goethe (Frankfurt am Main, 28 de Agosto de 1749 — Weimar, 22 de Março de 1832) foi um escritor alemão e pensador que também fez incursões pelo campo da ciência. Como escritor, Goethe foi uma das mais importantes figuras da literatura alemã e do Romantismo europeu, nos finais do século XVIII e inícios do século XIX. Juntamente com Friedrich Schiller foi um dos líderes do movimento literário romântico alemão Sturm und Drang. De sua vasta produção fazem parte: romances, peças de teatro, poemas, escritos autobiográficos, reflexões teóricas nas áreas de arte, literatura e ciências naturais. Além disso, sua correspondência epistolar com pensadores e personalidades da época é grande fonte de pesquisa e análise de seu pensamento. Através do romance Os Sofrimentos do Jovem Werther, Goethe tornou-se famoso em toda a Europa no ano de 1774. Mais tarde, com o amadurecimento de sua produção literária, e influenciado pelo também escritor alemão Friedrich Schiller, Goethe se tornou o mais importante autor do Classicismo de Weimar. Goethe é até hoje considerado o mais importante escritor alemão, cuja obra influenciou a literatura de todo o mundo.

"O Conto da Serpente Verde e a Linda Lilie, conhecido simplesmente como O Conto (Das Märchen), foi concluído em 1795 e publicado inicialmente como parte final de uma série de histórias curtas, As Conversações de Emigrantes Alemães. Para escrevê-lo, Goethe estudou vários textos alquímicos, cabalísticos e rosicrucianos. O estilo, os personagens, e até a estrutura do Conto lembram as elaboradas alegorias, frequentemente adotadas pelos alquimistas para ilustrar seu método e suas descobertas. Esta edição inclui uma exegese de Oswald Wirth ilustrada com os arcanos do tarô, além de um posfácio muito oportuno de Roberto Cattani, acréscimos que enriquecem e oferecem linhas de decifração da fábula de Goethe e de seu rico simbolismo. O suíço Oswald Wirth, autor da exegese deste conto, fez parte do ressurgimento ocultista que apareceu na França no fim do século XIX. Escreveu vários estudos de divulgação e vulgarização sobre a simbologia da Maçonaria, da Alquimia e da Astrologia, mas sua obra mais famosa é a reinterpretação simbolística e artística do Tarô de Marselha, cujos arcanos acompanham o comentário publicado nesta edição brasileira."

Escreva um comentário

Nota: HTML não suportado.
    Ruim           Bom
Imagem antispam